Voltar para Home Abre Menu

Centro de Pesquisas

13 de março de 2019

Sessõe Científica do Hospital São Rafael

As sessões acontecem toda quarta feira às 12:00h no Auditório São Lázaro, 3º subsolo.

 

 

13 de março de 2019

Médico do Hospital São Rafael recebe Prêmio CAPES de Tese

A 13ª edição do Prêmio CAPES de Tese, realizada no final de 2018, em Brasília, contou com a participação do médico clínico e intensivista do HSR, Dr. André Gobatto, que foi premiado por sua tese de doutorado ter sido reconhecida entre os melhores trabalhos de conclusão de doutorado defendidos no Brasil, em 2017, com o tema “Avaliação da traqueostomia percutânea guiada por ultrassonografia quando comparada à traqueostomia percutânea guiada por broncoscopia”.

A premiação, oferecida pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), tem como critérios diversos requisitos, entre eles, a originalidade do trabalho, a relevância para o desenvolvimento científico, tecnológico, cultural, social e de inovação e o valor agregado pelo sistema educacional ao candidato. Após a publicação do trabalho, de acordo com Dr. Gobatto, essa técnica passou a ser mais utilizada. “Todo o procedimento do ultrassom é muito mais rápido, ele pode ser feito no próprio leito do paciente. Com isso, percebemos que o número de pacientes atendidos por leito na UTI aumentou, devido a maior rotatividade, com maior eficiência nos processos de atendimento ao paciente na UTI”, pontuou. Sobre a premiação, Dr. André Gobatto garante que não esperava, ele tinha noção que o trabalho foi bem executado e aceito, mas não tinha a dimensão que poderia receber um prêmio por isso. “Fiquei muito surpreso e feliz. É uma honra o reconhecimento desse trabalho que foi realizado não só por mim, mas por toda uma equipe. Penso que esse projeto não teria saído sem o envolvimento de várias pessoas. Então, esse prêmio veio para coroar esse projeto que nasceu comigo, mas que envolveu toda a equipe não só da UTI, mas de todo o hospital”, declarou.

Os resultados da tese de Dr. Gobatto foram apresentados em congressos internacionais, em Barcelona e Viena, e publicados em revistas internacionais de alto impacto, como Intensive Care Medicine, Journal of Critical Care e Journal of Intensive Care Medicine.